Ter um look elegante e de bom gosto é o desejo da maioria das pessoas. Independentemente do gênero, é natural querer transmitir sofisticação e refinação por meio das peças de vestuário e dos acessórios escolhidos para compor determinado look.

No entanto, para isso é necessário estar por dentro de algumas tendências. Não significa mudar o seu estilo, mas sim adequá-lo às dicas e ensinamentos, prestando atenção em alguns detalhes para escolher itens elegantes.

Mas afinal, quais são essas dicas capazes de ajudar na composição de um look cheio de elegância? Como colocá-las em prática no cotidiano e criar combinações cada vez mais bonitas e refinadas? Confira a seguir e arrase em seu estilo. Boa leitura!


1. Pense na combinação de cores

A combinação de cores é um dos fatores que pode elevar seu look a um patamar refinado ou rebaixá-lo completamente. Por isso a inteligência, nesse ponto, desempenha papel fundamental. Estude bem a roda de cores e prefira combinar tons próximos entre si.

Outra dica para transbordar elegância é apostar em looks monocromáticos, ou seja, de uma cor só. Além de bem simples, esse tipo de visual deixa qualquer pessoa bonita e refinada. Prefira cores neutras, como branco ou preto, mas ouse se achar que a ocasião pede outras!

Círculo cromático

circulo cromático

Para não errar na hora de escolher as cores, conheça o círculo cromático. Ele é composto por cores primárias, secundárias e terciárias, totalizando 12.

As cores primárias são as chamadas “verdadeiras”, porque nada pode ser misturado para criá-las: azul, vermelho e amarelo. As secundárias têm produção envolvendo a mistura das cores primárias, como verde e laranja. Já as terciárias se formam a partir da mistura de uma primária com uma secundária, como azul-esverdeado, vermelho arroxeado etc.

Ainda é preciso reconhecer as cores complementares, aquelas que ficam em posições opostas no círculo cromático, e os tons quentes e frios. A partir daí dá para desenvolver looks com cores harmônicas entre si, resultando em combinações que não pesem nem apaguem o visual.

Uma dica valiosa: utilize cores neutras, como preto, branco e cinza, como base na hora de compor as peças.


2. Utilize peças de alfaiataria

Como o próprio nome já diz, as peças de alfaiataria antigamente eram produzidas pelos alfaiates, que criavam modelos únicos e exclusivos fazendo-os sob medida para cada cliente.

Hoje em dia, no entanto, o conceito foi deixado um pouco de lado, já que é possível encontrar inúmeros modelos de alfaiataria disponíveis em lojas de departamento e com padronização de tamanhos.

Assim, entende-se que as peças de alfaiataria são feitas com tecidos mais grossos, estruturados e que se ajustam melhor em todos os tipos de corpos, tendo um caimento mais elegante e requintado.

Mesmo que o momento não peça um visual formal, é interessante contar com algumas peças-chave, como shorts ou calças, feitas em alfaiataria. Esses itens têm cortes bonitos e poderosos, que valorizam o corpo sem exageros, além de um caimento interessante.

Para não sobrecarregar o look elegante, você pode utilizar tais peças combinadas com camisetas casuais ou outros itens de vestuário. Isso deixa o estilo mais moderno e despojado, ainda que extremamente refinado.


3. Analise o caimento das peças

Caso você não esteja familiarizada ao termo, caimento é a palavra que diz respeito ao quanto a peça “encaixa” em seu corpo. Ele depende, obviamente, de vários fatores, mas normalmente está relacionado à qualidade, ao tipo e à força do tecido, além do desenho feito pelo estilista para o item em questão.

Lembre-se de que o caimento é individual e uma peça não cair bem em você não atesta sua má qualidade, mas quer apenas dizer que ela não se adéqua à sua estrutura corporal. Por isso, de nada adianta um lindo vestido que não realça a sua beleza com um caimento perfeito. Prove as roupas antes de comprá-las!

Um jeito de não errar é saber qual o seu tipo de corpo e quais roupas melhor se encaixam nele. Conheça os cinco tipos abaixo.

tipos de corpo

Triângulo invertido

As características desse tipo de corpo são os ombros mais largos e maiores que o quadril. O peitoral também é grande, e as pernas alongadas e finas.

Em geral, o modelos de melhor caimento dão volume ao quadril para que se equilibrem ao tamanho dos ombros e tronco. A parte de cima não deve ressaltar os ombros, como decotes nadador e quadrado, ombreiras etc.

Pera

As mulheres com este tipo de corpo têm os ombros e a cintura mais estreitos que o quadril. A cintura finada e o bumbum grande são bastante marcantes.

Calças flare e vestidos soltos e largos disfarçam a largura do quadril.

Retangular

O corpo retangular é marcado pelos quadris muito pequenos e consequente falta de cintura. Camisas e vestidos mais soltos são ótimas opções para valorizá-lo.

Ampulheta

Neste corpo, a largura dos ombros é a mesma que a do quadril, além da cintura fina. Assim, peças que marcam a cintura e com decote em V valorizam as mulheres com corpo ampulheta.

Oval

A principal característica deste corpo é a largura da cintura, bem maior que a do quadril e dos ombros. Assim, modelos que tiram o foco do abdome e alongam a silhueta são os mais indicados.


4. Capriche na escolha das bolsas

Uma bolsa representa muito mais do que um objeto usado para guardar pertences. Embora entregue bastante utilidade, é vital optar por peças bonitas e estruturadas, que combinem com seu look e sua personalidade.

Sempre que possível, prefira peças de cores neutras ou de determinados materiais, como o couro. Isso faz com que elas sejam mais coringas e combinem com diversos tipos de tecido, cores e estilos.

Já os modelos têm diversidade, podendo cada um ser escolhido para uma ocasião diferente. As bolsas de couro em estilo pasta consistem em excelentes alternativas para o dia a dia do trabalho, já que são práticas e formais ao mesmo tempo.

As de tira colo, aquelas usadas normalmente na diagonal, podem user usadas em um evento mais despojado, como um almoço com os amigos no shopping ou um piquenique no parque. Uma dica de look elegante para não errar ao usar esse modelo é a camisa de botão com shorts e sapatilha.

Existem ainda as de festa, estilo clutch, comuns em casamentos, formaturas ou em qualquer evento que exija traje social ou social completo.


5. Evite exageros

Por fim, é importante sempre recordar que “menos é mais”. Essa frase pode ser aplicada em diversos âmbitos de nossas vidas e, por isso, também cabe na composição de um look elegante.

Evite exageros de qualquer natureza, seja de cores, seja de acessórios, seja de decotes, seja de elementos. Prefira composições minimalistas, com poucos itens, nas quais todas as peças possam brilhar individualmente e mostrar suas características e poderes individuais.

Viu como é simples criar um look elegante e refinado? Com essas dicas, é possível fazer combinações mais inteligentes e escolher peças que valorizem aquilo que você tem de melhor, destacando sua beleza de maneira natural e sem exageros.

Quer ficar por dentro de todas as nossas novidades e dicas de moda? É bem simples: curta a página da Enluaze no Instagram!

Escreva um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.